Parceria entre Fecomércio PR e Governo do Paraná leva crédito mais barato ao comércio

18 jun 2013

O presidente do Sistema Fecomércio Sesc Senac PR, Darci Piana, firmou ontem (17) no Palácio Iguaçu, acordo decooperação técnica junto ao Governo do Estado, por meio da Fomento Paraná, para garantir o acesso dos filiados a federação às linhas de crédito do Banco do Empreendedor. O governador Beto Richa, o presidente da Fomento Paraná, Juraci Barbosa Sobrinho, o diretor de mercado e relações intitucionais da Fomento Paraná, Alexandre Teixeira, e o presidente do Sindicato dos Representantes Comerciais do Paraná (Sirecom) e vice-presidente da Fecomércio PR, PauloCesar Nauiack, assinaram o documento.

As linhas de crédito do Banco do Empreendedor apresentam taxas de juros mais baixas do Brasil para financiar investimentos produtivos, entre 0,51% e 1,07% ao mês. Pela parceria, serão qualificados agentes de crédito entre os 59 sindicatos filiados à Fecomércio para apresentarem as linhas do Banco às empresas. De acordo com Piana, as empresas necessitam desse crédito para melhorar seus negócios. “Com o volume de empresas pequenas e médias no Paraná, são necessários recursos para darem continuidade a seu negócio. Isto vai permitir que melhorem seus equipamentos, máquinas de produção e suas estruturas”, afirmou.

O presidente da Fomento Paraná, Juraci Barbosa Sobrinho, comentou que uma forma de aquecer a economia é disponibilizar crédito aos empreendedores, gerando não só a melhoria da renda das famílias, mas o número de empregos no estado. Ele também destacou o interesse em disponibiliza não apenas aos empresários do comércio, mas, sobretudo aos da área de serviços.

“Recentemente estivemos em um evento do Conselho do Sebrae da Região Sul, e um grande historiador e economista trouxe o dado de que no Paraná 62% estão na atividade econômica formal. Nada mais justo do que nós ofertarmos a esses empreendedores a linha de crédito”, enfatiza.

O governador Beto Richa comentou sobre as parcerias com a Fecomércio PR e destacou a importância do acordo de cooperação assinado na tarde de ontem (17). “Democratizamos o acesso ao crédito para fortalecer ainda mais essas atividades econômicas”, disse. Ele também comentou sobre as capacitações em gestão empresarial que serão ofertadas por meio do programa Bom Negócio Paraná e outros cursos de capacitação promovidos tanto pela Fecomércio PR quanto por outras entidades parceiras credenciadas ao programa.

Desde 2011, a Fomento Paraná ampliou sua atuação no mercado, passando a atender também empresas de médio porte. Hoje, os empréstimos variam desde R$ 300 a R$ 3 milhões, dependendo do tipo de investimento e a potencialidade do empreendimento. Para 2013, a agência prevê um capital de R$ 100 milhões em financiamentos.

A Fomento Paraná irá oferecer ainda uma linha de crédito especial para atender profissionais que atuam como representantes comerciais. Semelhante à linha Banco do Empreendedor Taxista, a nova linha permitirá aos profissionais adquirir veículos novos ou adaptá-los para expor os mostruários de produtos.

“Nós somos um canal de geração de negócios. Quando temos uma linha de crédito como essa ofertada pela Fomento Paraná, isso facilita para melhorar as condições de trabalho de trabalhador”, avaliou Nauiack.

O presidente da Junta Comercial do Paraná, Ardisson Akel; o secretário estadual do Turismo, Jackson Pitombo; o deputado federal Eduardo Sciarra, o deputado estadual Ademir Bier, o vice-presidente da Fecomércio PR, Ari Faria Bittencourt, o diretor regional do Sesc PR, Dimas Fonseca, diretores e presidentes de sindicatos filiados à Fecomércio PR e gerentes executivos e diretores do Sesc participaram da solenidade no Palácio Iguaçu.